Total de visualizações de página

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

   
Quem Disse!?

Que não sou capaz de escrever?
Borro o papel
com minhas lágrimas
de chuva,
titubeio em meio a tudo
mas por hora, tento
e sem alento
ou sofrimento
rabisco
insisto...
nas palavras
e ao  pari-las  deixo-as aqui!
Mas,
não receito
não preceito
So escrevo-as
em linhas tortas talvez,
o que poderia ser de forma
reta
concreta
Mas, haveria
entre tantas coisas
discordância,
discrepância,
Pois não almejo
a retidão,
a exatidão,
tão somente
quero escrever,
palavras tolas
sem mesuras
ou frescuras...
Mas, quero pô-las num papel jornal,
ou de seda ,azul ou cor de mel...
E um dia quem sabe?
Depois de serem lidas
Sejam jogadas ao léu...
Ou com sorte , muita sorte,
sejam transformadas
em bandeirinhas de papel!!!????

  Fatinha, so Fatinha...

Nenhum comentário:

Postar um comentário