Total de visualizações de página

quinta-feira, 1 de agosto de 2013




Vivendo...

Tô de graça ,
tô na praça
tô vivendo alegria
não vou mentir,
paguei minhas "conta" não
Se isso dissesse
estaria poemizando hipocrisia!
Acabou o café
o baião
o dinheiro do gás
a paixão
o cigarro
a gasolina do carro.
Essa , eu bebi
tentativa de ter uma visão
mera ilusão,
tive uma forte convulsão
e acabei no chão
onde encontrei
a conta da água e da luz,
só não encontrei Jesus....
Creio que é por que
estou andando na contra mão
de meu poema,
que minha alma despena coitada,
e que tenta não ser pequena.
Ah, por favor
para mim , não quero pena
sabe o que faço?
vivo hoje uma  fantasia
e confesso:não pago a conta da lua
mas   a transformo em poesia!!!

Fatinha, só Fatinha...


Nenhum comentário:

Postar um comentário