Total de visualizações de página

quinta-feira, 24 de abril de 2014




Bem me quer, Mal me quer?

Desfolhei um bem me quer
tanta coisa eu queria
mal me quer
bem me quer
minha sorte,
meu amor,
onde estaria?
E a  despetalo dia a dia
Paixão da manhã
sorriso de hortelã
E agora?
Eu plantei em terras vãs?
Ah, essa florzinha
pequena florzinha
não me  responde
se esconde ...
E nesse meio termo
me entrego
e não recebo
Jogo injusto,
Onde sempre
 aposto tudo!
E fico mudo
com as respostas 
que não vem
de ninguém...
E fico a toa 
dedo em riste, 
por que o mal me quer
existe,
numa flor
que nem é triste?!
Bem me quer
singela flor
tenho então
que te plantar?!
Se não te encontro
me perco
e vou me despetalar!

Fatinha, só Fatinha...

                         






Nenhum comentário:

Postar um comentário