Total de visualizações de página

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

HOJE DESCOBRI-TE EM MILHÓES DE BOCAS!
SORRISO IDENTICO AOS QUE ME ENGANARAM...
MUDANÇA DE NOME , SOMENTE...
NO FINAL DO DIA TODOS SE IGUALARAM...
VEIO COM ARES DE MENINO BOM...
PROMESSAS VAZIAS , QUE ME TIRARAM O TOM!
SO CONVERAS.VÃS ...TANTAS MENTIRAS!
NUMA CANTIGA SURDA , DE VALSAR A NOITE
ATE ESTRAGUEI TODO O MEU BATOM...
POIS BEIJE-TE A BOCA, COM TANTO PRAZER,
QUE ATE FIZ DE MIM , PROPRIA ILUSÃO!
NUNCA REPAREI QUE PRA MIM MENTIAS,
E SE ESCONDIA EM MINHA SOLIDÃO!
POBRE AMOR PEQUENO O QUE ME ENTREGASTES,
NEM PRA TE O SERVES , OU ENTÃO O VIVERIAS!
TU MENTES TÃO BEM PARA TE ENGANAR,
QUE A TI MESMO FINGES, QUE EU PRA TI MENTIA!
HOJE DESCOBRI-TE EM MILHÓES DE BOCAS!
SORRISO IDENTICO AOS QUE ME ENGANARAM...
MUDANÇA DE NOME , SOMENTE...
NO FINAL DO DIA TODOS SE IGUALARAM...
VEIO COM ARES DE MENINO BOM...
PROMESSAS VAZIAS , QUE ME TIRARAM O TOM!
SO CONVERAS.VÃS ...TANTAS MENTIRAS!
NUMA CANTIGA SURDA , DE VALSAR A NOITE
ATE ESTRAGUEI TODO O MEU BATOM...
POIS BEIJE-TE A BOCA, COM TANTO PRAZER,
QUE ATE FIZ DE MIM , PROPRIA ILUSÃO!
NUNCA REPAREI QUE PRA MIM MENTIAS,
E SE ESCONDIA EM MINHA SOLIDÃO!
POBRE AMOR PEQUENO O QUE ME ENTREGASTES,
NEM PRA TE O SERVES , OU ENTÃO O VIVERIAS!
TU MENTES TÃO BEM PARA TE ENGANAR,
QUE A TI MESMO FINGES, QUE EU PRA TI MENTIA!

Fatinha, só fatinha
(13/04/2010)

Nenhum comentário:

Postar um comentário