Total de visualizações de página

sábado, 27 de novembro de 2010

Mesa de Bar...



Traz algo que me conforte
Sou pedaço de anseio na mesa de um bar!
Vem comigo e espera essa hora,
Que por mais que eu não queira  , não consegue parar!
A banda passou, os sorrisos passaram...

só não vejo você passar!
Ficastes estático, enquanto eu sofria
rascunhos perdidos , não dá pra encontrar!

Na ciranda louca , que a vida oferece
Me perdi em versos que eu inventei...
Ainda te espero , com a mesma moldura

querendo o abraço que nunca ganhei!
Então te suplico,
Pega minha mão, beija minha boca
caminha comigo...
Meu sonho só existe , se eu estiver contigo!
Faz-me ser inteira e não mais esperar,
ou meus sonhos morrem , e eu morro com eles
com minha poesia ,  
na mesa de um bar!!





fatinha, so fatinha...

Nenhum comentário:

Postar um comentário